Categorias
Ensino

Quick memories #03

“Lembranças rápidas”, como o nome diz, fazer lembrar o que sabemos numa perspectiva atual, dando um “up” em uma leitura de breve minutos; com o objetivo principal de enriquecer o nosso conhecimento e entendimento no exercício do “Chamado e Ofício”, depositados em nossas vidas.
1.ª Coríntios, 5:8 KJA
“Por isso, celebremos a festa, não com fermento velho, nem com o fermento do maligno e da corrupção, mas com os pães sem fermento da sinceridade e da verdade”.
A Ceia do Senhor no Novo Pacto.
Falar da Ceia do Senhor é trazer entendimento sobre o pão que se come e o sangue que se bebe, é falar sobre o único sinal visível da Graça de Deus, um dos temas mais profundos do Novo Pacto.
É trazer o memorial da morte e da ressurreição de Cristo em comunhão com os irmãos e discernindo o corpo para receber saúde. Temos um chamado para nos aprofundarmos no conhecimento da Graça. Precisamos de Revelação para entendermos este tema da Ceia, o qual, exige maturidade.
O novo pacto é a revelação do que estava oculto no velho pacto.
Romanos, 16:25 KJA
“Ora, àquele que tem o poder para vos confirmar, pelo meu Evangelho, segundo a proclamação de Jesus Cristo, em conformidade com a revelação do mistério oculto nos tempos passados”.
Cristo instituiu, Paulo recebeu do Senhor, defendeu e instituiu a Ceia do Novo Pacto e a tornou Sagrada, a qual, se faz em memória de Jesus. (I Coríntios, 11:23-25)
A Ceia do Senhor não é um ritual ou uma cerimônia.
Deus provê saúde e retira doenças e enfermidades pela Ceia do Senhor. Pelo pão, Corpo de Jesus, há saúde e pelo vinho, Sangue, há vida de Cristo em nós.
Seu corpo sofreu para hoje vivermos completos, perfeitos e sem doenças. Pelo seu sangue temos vida, força e energia. Toda doença ou enfermidade é neutralizada pela Ceia. Pão e vinho estão em toda a Bíblia de Gênesis a Apocalipse.
Melquisedeque no encontro com Abraão realizou a primeira ceia. Melquisedeque trouxe pão, vinho e Benção. (Gênesis 14:17-20)
1.ª Pedro, 2:9
“Porém, vós sois geração eleita, sacerdócio real, nação santa, povo de propriedade exclusiva de Deus, cujo propósito é proclamar as grandezas daquele que vos convocou das trevas para sua maravilhosa luz”.
Apocalipse, 1:6 No novo pacto somos sacerdotes, portanto, o sacerdote realiza a ceia; sem revelação o homem não consegue discernir o valor da ceia do Senhor e do Sacrifício de Cristo.
Realizamos a ceia em memória de Cristo, pão e vinho são bênçãos na nossa vida, Ele levou sobre seu corpo as nossas enfermidades, doenças, fracassos e sua morte nos deu vida, nos fez novas criaturas. Veja no pão e no vinho o que os outros não vêem, que tu estás completo e justificado; amém.
@ Ap. Arruda(Yohanan Shamaym)